Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

fogo
No comando: Playlist Quente

Das 00:00 as 09:00

dj-edinho
No comando: Marreta com DJ Edinho DK

Das 18:00 as 20:00

tag-oficial-prograamaa
No comando: Programa Rap é o Alvo

Das 20:00 as 22:00

553382_3780407750517_321131602_n
No comando: Vídeo Parte

Das 20:00 as 22:00

whatsapp-image-2017-09-25-at-21-42-39
No comando: Rap é o ALVO

Das 20:00 as 22:00

Slow Hour
No comando: Slow Hour

Das 20:00 as 22:00

Terminal 470 faz Shows em SP

Compartilhe:
37806143_1919276981427410_2197838317024706560_o
  Depois de ter feito uma tour em Santa Catarina em novembro de 2018  para a divulgação de músicas do Ep intitulado “Coletivo” A banda gaúcha chega em  São Paulo e também na Cidade de Santos no Litoral Paulista para fazer dois shows, gravações e entrevistas. A viajem marca uma nova fase da banda que já prepara o lançamento de um novo single da música ressaca, a banda tem se destacando no cenário da música gaúcho pelas  misturas de diferentes estilos com o gênero Rap. Isso possibilitou que a banda tocasse nas principais casas de Shows em, Porto Alegre, Região Metropolitana e Santa Catarina.
Redes Sociais
https://www.facebook.com/terminal470/photos/?tab=album&album_id=275835555771569
https://www.instagram.com/terminal470/
45286399_2066858826669224_9083687137609515008_o 12342476_1022560327765751_3556840344627980366_n
A história da banda começa em 2004 quando Marcelo Medeiros, Jeferson Fidélix e Fabiano Guimarães alteraram o nome da Banda para Terminal 470, mencionando o terminal de ônibus da linha que circula a comunidade onde a banda foi criada a Bom Jesus situada ao leste de Porto Alegre RS. A banda tem como característica principal a mistura de estilos musicais em seu trabalho. Um dos resultados desta mistura de ritmos vem em 2011 quando o Disco Combatentes ganhou o Premio Lança de Ouro na categoria Melhor Álbum do RS. Atualmente a banda divulga seu mais novo trabalho Ep “Coletivo” com a produção e direção musical de Marcio Ojeda, projeto gráfico de Lessando Lara ( Kid Design), prensagem de Leandro Nunes CDS e DVDS – Prensagem e Duplicação. O EP ainda vem com participação da cantora Gaúcha Marieti Fialho . Em 2018 a banda realizou uma Turnê com Shows em SC em abril a banda viaja a São Paulo para divulgação do novo trabalho.
Principais Influências
A Black Music de uma forma geral é uma a grande influencia na musicalidade, da banda desde referencias internacionais como Barry Withe, Marvin Gaye,Lauren Hill etc. As grandes referencias nacionais como Racionais Mcs, Tim Maia,Djavan,Cassiano,Bezerra da silva etc. Estas referencias estão sempre presentes no processo de criação e composição das musicas autorais da banda desenvolvendo novas formas de interpretar e expressar a arte através do Rap.
10410559_828967763791676_4574806102037975228_n11038584_977365528951898_210312715295130783_o
Discografia
2007 – EP – Alerta – Primeiro registro fonográfico oficial da banda, contendo 6 faixas, foi gravado de forma totalmente independente no por Dj Edinho DK no estúdio Dekebrada.
2008 – Single – Preta da Favela – Primeiro trabalho de sucesso veiculado nas principais rádios comerciais de Porto Alegre, produzida gravada e mixada por Marcos Fucks.
2009 – Single – Zé – Música que gerou o primeiro clipe da banda com direção e produção de Marcos Fucks.
2010 – Single – Estúpida – Música de antecede o disco combatentes
2011- Álbum – Combatentes- Lançado em meados de 2011, o disco com 10 faixas autorais com participações de grandes referencias do Rap Gaúcho. Considerado pelo Prêmio Lança de Ouro o melhor álbum de Rap Gaúcho de 2011.
2014 – Medo de Que?- Música e Clipe que marca uma nova formação da banda. Musica gravada nos Estúdios Munhoz com produção de Marcos Fucks, Mixagem e Masterização Guga Munhoz.
2015 – Álbum – Edição Especial 10 Anos – Disco comemorativo de 10 anos reúne todos os trabalhos da banda.
2016 – Single – Tudo de Bom – Trabalho que antecede a o Ep “Coletivo” com produção Musical, Mixagem e Marterização de Marcio Ojeda.
2017 – EP – Coletivo – EP com 5 faixas é o novo trabalho da banda, Marcio Ojeda assina 80% das produções, trazendo uma pegada diferenciada sem perder a essência musical que o Terminal 470 vem projetando em seus trabalhos ao longo dos anos.

Deixe seu comentário:

Redes sociais